sábado, 28 de maio de 2011

Uma questão de curvas

Não, não vou brindar-vos com mais um post sobre as minhas capacidades ao volante. Venho antes falar de mim e do meu drama com a roupa.

É verdade que sou uma pessoa esquisita, é sim senhor. Não sou pessoa de modas, não visto qualquer trapinho. Atenção que não estou a falar de marcas, até porque provavelmente se contam pelos dedos das mãos a quantidade de peças de roupa que tenho de marca. É tudo uma questão de gostos, não é fácil encontrar roupa que me agrade. Mas isso é só um dos problemas.

Eu sou uma pessoa gordinha, pronto. Tenho uns quilinhos a mais. Demasiados quilinhos a mais, diriam alguns. Eu sinto-me bem com o meu corpo, embora esteja a tentar deixar alguns quilos para trás, não só para me sentir ainda melhor mas também por uma questão de saúde. Mas não é esse o assunto do post.
A questão é que, apesar de ser gordinha, tenho curvas. Tenho um corpo que considero feminino, apenas mais cheiinho! O problema é que parece que quem veste acima do 40/M não tem direito a roupa de jeito. Ou tem, mas precisa de correr este mundo e o outro. Ou então sou eu que não ando a procurar no sítio certo. Não sei. O que eu sei é que a maioria da roupa que experimento parece cortada a direito, não tem forma, não acompanha o corpo, fica larga aqui e justa acolá. É raro encontrar uma peça de roupa que me fique bem e que me faça sentir bem, e ainda mais raro encontrar uma peça de roupa que realce o que o meu corpo tem de melhor. Porra, lá por uma pessoa não vestir o 36, não quer dizer que não tenha uma cintura. Ora fica bem na cintura e apertado nas ancas, ora fica bem nas ancas e a boiar na cintura...

Enfim, cada vez que preciso de comprar roupa é um drama, porque a minha esquisitice aliada à parvoíce dos fabricantes de roupa fazem com que tenha que perder dias e dias e correr metade da cidade para conseguir encontrar uma calças ou uma camisola com que me sinta bem. Haja paciência!

3 comentários:

K@'11 disse...

Eu também sou esquisita na roupa que compro lol no entanto geralmente quando gosto mesmo duma coisa normalmente nunca há o meu tamanho -.-'
Eu não visto o 36 porque ficam bastante apertadas =/ visto o 38 normalmente ficam bem na cintura e uma porcaria no traseiro...
Começa a fazer exercício físico com eu para perder esse quilinho =) faz bem ao corpo e à mente acredita =)

Catarina A disse...

Isso é uma grande verdade. Números maiores são complicadissimos de encontrar e não há em todos os modelos, nem em todas as lojas. O que é uma grande estupidez porque nem toda a gente veste o 32 :p

Beijinhos *

Starfish disse...

Hum, é complicado mesmo!
Mas olha que a magreza também é. Tenho uma amiga que veste o 32 e comprar umas calças é preciso percorrer lojas e lojas! Enfim... comprar roupa nem sempre é fácil!