sábado, 6 de julho de 2013

Solução rápida e barata

Descobri hoje que a pessoa de que falei no post anterior tem um filho aí de 5 anos.

E a decisão está tomada.

Não tenho maturidade emocional para lidar com uma situação destas, portanto, não, obrigado, passo a outro e não ao mesmo.

3 comentários:

Ju. disse...

Pois, sendo assim não dá mesmo... Pelo menos ficou o assunto resolvido, né?
Beijinho*
R: Nada que não passe. Obrigada querida! (:

Starfish disse...

Pois, uma criança complica muita coisa... se calhar até foi melhor assim. Como os meus colegas dizem, "cospe e siga!" :D

Lani disse...

Pois um filho complica muito... *